O cantor George Michael, que é homossexual assumido, atacou pelo twitter membros de um grupo cristão norte-americano por terem orado para que ele morresse durante sua batalha contra a pneumonia.

Segundo o site Female First, Michael, esteve muito doente no mês de dezembro, e quando ele saiu do hospital ele xingou os cristãos que disseram que ele estaria com AIDS, ao invés de pneumonia, dizendo que ele merecia morrer por causa de sua homossexualidade.

“vocês sabiam que, quando eu estava lutando por minha vida na Áustria, havia um monte desses adoráveis pessoas, que se intitulam ‘cristãos para uma América Moral’, que oravam o tempo todo para que eu morresse?”, desabafou ele aos seus 330 mil seguidores no twitter.

Logo após ele pediu desculpas aos “bons cristãos”, mas mesmo assim xingou o grupo dizendo: “Totally fucked up cocksucking bastards.” E finalizou postando: “Admito que já bebi alguns copos de vinho. É melhor ir para o jantar antes de entrar em mais algum problema. Amor a todos vocês”.

Portal Padom

Com informação Terra e Twitter

Deixe sua opinião