Canal cristão de TV é multada por ‘comentários homofóbicos’

Uma emissora de tv cristã britânica foi multada em 6 mil euros por comentários considerados homofóbicos feitos em um programa de café da manhã no ano passado.

0
244

Uma emissora de tv cristã britânica foi multada em 6 mil euros por comentários considerados homofóbicos feitos em um programa de café da manhã no ano passado.

Revelation TV, que é transmitida na Espanha via satélite, foi multada pela Comissão Nacional Espanhola de Mercados e Concorrência (CNMC).

Os comentários de um debate feito no programa ‘Rmornings’, foram considerados como ameaçadores à dignidade do grupo homossexual e transexual, embora não tenha havido incitação manifesta a ódio contra esses grupos pelo canal que é dono do programa, disse o comunicado oficial do CNMC.

No entanto, Gordon Pettie, diretor da Revelation TV, disse a Christian Today que uma apelação contra a decisão havia sido apresentada e ele ficou desapontado com a aplicação da multa antes que a apelação fosse ouvida.

Ele disse a Christian Today que o debate era “absolutamente não” homofóbico e, em vez disso, apenas expressava uma visão bíblica. Ele acrescentou que um advogado lhe disse que, se fossem julgados homofóbicos, as autoridades espanholas teriam que multar todas as igrejas católicas na Espanha sob essa mesma acusação.

“Acreditamos que, quando o processo terminar, a multa não será aplicada e não seremos considerados homofóbicos“, disse ele.

‘Nós diríamos, como emissora de televisão, que procuramos defender visões bíblicas. Tudo o que fizemos foi dizer o que a escritura tinha a dizer.”

As observações específicas foram feitas em um debate sobre crianças transexuais depois que uma família cristã removeu seus filhos da escola porque um de seus colegas de classe se identificou como trans.

O pastor disse no programa: ‘Vamos criar um partido político ou aderir a um partido para mudar essa loucura. Nós vamos ter que fazer isso, porque se não o fizermos, teremos Sodoma e Gomorra em nossa porta, onde eles estão indo para lhe dizer: queremos adquirir os homens de lá e nós queremos dormir com eles e não há nada que você possa fazer sobre isso. Eu tenho mulheres para você … Não, nós queremos esses homens. E porque se tornou agressivo, tornou-se pesado e, se não enfrentarmos essa militância, vai piorar, vai ficar muito ruim”.

E acrescentou dizendo: ‘O problema é que esses caras estão realizando o que eu chamo de engenharia social. Eles estão vindo com ideias próprias, a fim de liderar a sociedade em uma direção específica. Mas não devemos permitir que isso aconteça. Deixe a criança crescer naturalmente e quando tiver idade suficiente, deixe-a decidir o que quer fazer. Aos 18 anos, eles decidirão o que quiserem, tendo a liberdade de fazê-lo. Mas começar a ensinar uma ideia que não é natural na escola … porque todas essas ideias não são o modo natural das coisas, não é o que a Bíblia diz, não é natural biologicamente. Eu não sei quem incentiva isso e como podemos pará-lo, isso não deveria acontecer.”

“Mas precisamos entender que as pessoas por trás dessa agenda não são tolas, sabem exatamente o que estão fazendo, sabem que, nessa idade, a criança não tem ideia do que está acontecendo, então, se elas conseguem para manipular essas crianças para acreditar que isso é o que é natural, que vai ficar com as crianças. Eles gostam de se apossar de uma geração antes do tempo, de modo que, quando finalmente tiverem 20 ou 25 anos, o mundo inteiro mudou exatamente para onde eles querem estar com essa agenda.”

Portal Padom

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui