Bíblia rara será mostrada ao público da Biblioteca Nacional

1
62

primeirabiblia-impressaA Bíblia de Mogúncia, impressa em 1462, um dos exemplares mais raros da Biblioteca Nacional, será exibida ao público nesta segunda-feira.

Um dos pouquíssimos exemplares ainda existentes no mundo, estimam-se que sejam 60, dois deles, em dois volumes, estão guardados no cofre da Biblioteca, no Rio de Janeiro o livro foi impresso por Johannem Fust e Petrum Schöffer, ex-sócios de Gutenberg, considerado o inventor da imprensa.

A denominação Mogúncia refere-se ao lugar na Alemanha onde Gutenberg criou a impressão com tipos móveis.

A Bíblia de Mogúncia faz parte da Coleção Real Biblioteca, trazida para o Brasil por D. João VI, em 1808. Os dois volumes do exemplar que ficará exposto são os que possuem mais adornos em cores e desenhos.

Na segunda-feira, os visitantes terão acesso ao original impresso em pergaminho. A obra é cercada de curiosidades. Na linguagem técnica, é chamada de incunábulo, usada para todos os livros editados no século da invenção da imprensa.

A Bíblia de Mogúncia é a primeira bíblia propositalmente publicada em dois volumes e é o primeiro livro impresso que traz a indicação de data, lugar e nome dos editores no colofão – as informações tipográficas, na página final. A raridade pode ser vista também pela internet.

Fonte: Correio do Brasil

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui