Tanque de Betesda
Realmente o homem do tanque de Betesda era paralítico?
Tanque de Betesda
Realmente o homem do tanque de Betesda era paralítico?

O título que vem antes do Capítulo 5 do quarto evangelho é o seguinte: “Cura dum paralítico de Betesda”. Este título não está correto, pois em nenhuma parte do texto encontramos o termo “paralítico”.

Parece até que nem havia paralíticos ali. O versículo 3 diz que ali “jazia grande multidão de enfermos; cegos, mancos e ressicados, esperando o movimento das águas.

Vamos acompanhar a leitura dos versículos 5 a 7:

“E estava ali um homem que havia trinta e oito anos se achava enfermo. E Jesus, vendo este deitado, e sabendo que estava neste estado havia muito tempo, disse-lhe: Queres ficar são? O enfermo respondeu-lhe: Senhor, não tenho homem algum que, quando a água é agitada, me meta no tanque; mas, enquanto eu vou, desce outro antes de mim”.

Ora, se ele era paralítico como afirmou isto:

“enquanto eu vou”?

A realidade é que ele era apenas um homem enfermo e fraco. Não era paralítico. Talvez você pense que não existe importância em corrigir-se tais erros, porque não importa se ele era paralítico ou tinha qualquer outra enfermidade. Mas, importa e muito, porque ao falarmos das coisas de Deus te-mos que ser precisos em tudo, em cada detalhe, para evitarmos erros maiores.

Extraído do Livro: O que a Bíblia não diz

Descia realmente um anjo no tanque de Betesda?


Portal Padom

Deixe sua opinião