JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

O bebê de um ano e três meses baleado no colo do pai durante uma tentativa de assalto em Osasco, na Grande São Paulo, na noite desta quarta-feira, está internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Osasco. A criança foi baleada na cabeça, está sedada e pode ter morte cerebral constatada nas próximas horas. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, no entanto, ainda não é possível falar sobre morte cerebral por conta da sedação. A criança estava no colo do pai, o barman James Ferreira da Silva, de 25 anos, que também foi baleado. O crime ocorreu pouco antes das 21h. Pai e filho estavam na esquina da Rua Barão do Rio Branco com a Avenida Jaguaribe, no bairro Jaguaribe, a apenas 50 metros de casa. Vestindo terno, James tinha saído de um culto evangélico. Ele segurava o filho com um dos braços e carregava a Bíblia na outra mão.
Um homem branco e careca se aproximou de James e anunciou o assalto, sacando uma arma da cintura. O rapaz chegou a dizer que não tinha dinheiro porque estava desempregado, mas, assustado, preferiu correr para casa, na Avenida Jaguaribe, em busca de refúgio. O assaltante atirou várias vezes contra pai e filho. James foi baleado na perna direita e na nuca. O bebê acabou atingido no rosto.
Moradores que escutaram os disparos viram um Celta preto deixando o local em alta velocidade. A polícia acredita que o assaltante tenha fugido nesse carro, onde estaria um comparsa. Uma equipe da PM socorreu as vítimas. Mesmo ferido, James contou aos policiais o que tinha acontecido, fornecendo uma descrição mínima do criminoso. O bandido ainda não foi localizado.
A mulher de James estava no trabalho no momento do crime.

O Globo / BandNews / Padom

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗