Batista proíbe seus capelães militares de celebrarem casamento gay

batista-capelães-casamento-gayA Convenção Batista do Sul proibiu seus membros de realizar casamentos entre pessoas do mesmo sexo, participar em sessões de aconselhamento ou participar de retiros de casais do mesmo sexo.

Os batistas, que fornecem a maior parte dos capelães militares, tomaram a decisão após o reconhecimento do Departamento de Defesa para o casamento gay.

O Pentágono disse no mês passado que os cônjuges do mesmo sexo dos membros das tropas têm o direito a cuidados de saúde, habitação e uma série de outros benefícios que os casais heterossexuais recebem atualmente.

Política esta que entrou em vigor na semana passada, no entanto a Igreja Batista, procura andar de acordo com a Palavra do Senhor Jesus que condena veementemente o casamento de pessoas de mesmo sexo.

Portal Padom

Deixe sua opinião