Início Noticias Gospel Brasil Artista realiza a instalação Castigo Divino

Artista realiza a instalação Castigo Divino

40

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

castigo-divinoPanfletos com orientações sexuais distribuídos por uma igreja evangélica em encontros de casais inspiraram o artista plástico Fabinho Santana a realizar a instalação Castigo divino. Ele transcreve esses verbetes em pratos, espalhados no chão, iluminados por lâmpadas que descem do teto. Um desses textos, por exemplo, condena os homossexuais ao inferno e compara o ânus com um esgoto cheio de baratas. Um dos trechos mais leves diz: “A pessoa que sodomiza ou é sodomizada se iguala a um rato pestilento”.A exposição entra em cartaz hoje, com abertura às 19h, na Escola Municipal de Arte João Pernambuco, no bairro da Várzea. “Não é uma crítica religiosa”, esclarece o artista, que na instalação não identifica a igreja responsável pelo material. “Eu apenas me aproprio de um tema e recontextualizo as informações sem referências explícitas à religião em questão.”
Por que escrever esses textos em pratos? “Como esse texto evangélico é direcionado às famílias, criei essa identificação com o momento do jantar”, responde o artista, que preferiu não usar mesas para explorar os significados sugeridos pelo chão, um lugar rebaixado. A situação também obriga as pessoas a se curvarem (em posições muitas vezes associadas a humilhações) para ler os supostos ensinamentos educativos. “No fim das contas, é uma reflexão sobre o corpo”, sintetiza o artista.
Em outro trabalho da exposição, a série Mapas, ele mostra pinturas feitas com tinta acrílica sobre papelão que mostram silhuetas de pessoas atravessadas por linhas que dividem o espaço em regiões. “Com esses traços, as figuras humanas se abstraem até formar imagens que se aproximam da linguagem cartográfica”, explica.

Serviço

Exposição Castigo divino & Mapas, de Fabinho Santana
Quando: Abertura hoje, às 19h. Em cartaz até 19 de junho
Onde: Escola de Arte João Pernambuco (Avenida Barão de Muribeca, 116, Várzea)
Informações: 3232-4705

DP/www.padom.com

Deixe sua opinião