comunicacaoconjugalint-1A má comunicação muitas vezes resulta da nossa tentativa de provar que estamos certos.

Não é receita de bolo, mas apresentamos algumas dicas para aperfeiçoar a comunicação no seu casamento.

Reservem tempo para passar juntosNeste mundo ocupado, você descobrirá que mais e mais áreas da vida exigem do seu tempo. Não é raro que reservemos tempo para compromissos menos importantes do que compartilhar com a pessoa mais importante da nossa vida, o seu futuro cônjuge.

É provável que você passe mais tempo de qualidade compartilhando coisas durante o seu namoro do que depois que casarem.É importante que comecem agora a separar um tempo para que os dois escutem um ao outro e compartilhem seus pensamentos.

Fale apenas por si mesmo

Conscientizem-se dos seus próprios pensamentos e sentimentos, e assumam a responsabilidade de comunicá-los um ao outro. Ninguém pode falar por você, exceto você mesmo! Use frases com “eu”: “Eu estou me sentindo triste porque….”; “Acho que precisamos abordar o problema dessa maneira, porque….”No momento, estou realmente machucado”; “Quero lhe contar como vejo esta situação…”; “Eu me sinto assim:..”.

A comunicação começa a ficar tensa quando você começa dizendo ao seu parceiro aquilo que ele pensa e sente ou como ele deveria pensar ou sentir.

Entenda que o seu parceiro percebe as coisas de modo diferente do seu

Vocês nunca verão tudo exatamente do mesmo modo porque vocês vêm de famílias diferentes e com estilos de vida diferentes. Diferente não significa “errado”; não significa “ruim”; significa apenas “diferente”. Às vezes vocês terão que concordar em discordar.

Talvez seja necessário dizer: “Bem, acho que nós realmente enxergamos isso de modo diferente.”

Leia também!  Sexo sem compromisso

A má comunicação muitas vezes resulta da nossa tentativa de provar que estamos certos. Pergunte a si mesmo se prefere estar certo ou estar feliz. Às vezes você não pode ter ambas as coisas. Se você não estiver interessado em escutar o ponto de vista do seu parceiro, você simplesmente não valoriza aquilo que ele ou ela pensa e sente.

Escute, realmente escute

Escute – não somente o que está sendo dito, mas à mensagem total que está sendo enviada. Lembre que menos da metade da sua mensagem está sendo comunicada verbalmente, através de palavras ou do tom de voz. É importante escutar também as mensagens não-verbais do corpo, pois essas mensagens freqüentemente lhe darão pistas de como o seu parceiro está se sentindo.

Confirme aquilo que o seu parceiro está dizendo

Isso se consegue deixando o parceiro saber o que escutamos ele dizer, e perguntando se o entendemos corretamente. Isso permite que ele corrija quaisquer mal-entendidos. Confirmar se entendemos reduz a adivinhação e a má interpretação – uma armadilha em que muitos caem. Lembre que você pode apenas falar por si mesmo e não pelo outro. Se tentar adivinhar o que o outro pensa, estará falando pelo seu parceiro! Confirmar o que foi dito também permite que a outra pessoa saiba que você prestou atenção e que a valoriza suficientemente para assegurar-se que entendeu aquilo que está sendo discutido.

Tempo, honestidade, clareza, respeito, valorização e amor de um pelo outro ajudarão os dois na arte da comunicação. A comunicação é uma habilidade que pode ser aprendida e melhorada, porém leva tempo.

Você valoriza o seu futuro cônjuge e as coisas que ele diz? Ele valoriza os seus pontos de vista? Vocês gastam tempo compartilhando seus pensamentos e sentimentos? Que tipo de ouvinte é você? Atento, passivo, seletivo ou uma combinação dos três? Como você avaliaria as atuais habilidades de comunicação dos dois, como casal? Excelente? Médio? Precisando melhorar?

Leia também!  "Vamos orar" virou sinônimo de Fora!

A escolha é sua, e a escolha que vocês fizerem afetará o tipo de casamento que terão.

Deixe sua opinião