Qualquer pessoa familiarizada com o ministério de Jesus no Novo Testamento sabe que ele não negou seu poder de curar. Na verdade, os muitos milagres que ele realizou publicamente foram a prova de sua promessa de vencer.

Em sua própria jornada excruciante para a ressurreição, ele sofreu todas as formas de aflição – semelhantes às que ele curou para os outros. Ele foi rejeitado, aleijado, sangrando e até mesmo levado (por algum tempo) à morte.

Mas porque sabemos que Jesus é Deus feito carne, podemos ouvi-lo falando conosco desde o início, já em Êxodo 15, onde ele é referido como Jeová Rafá, o Deus que cura.

Jesus deseja que acreditemos, ainda hoje, que trazer a Ele nossas lutas, feridas ou pecados pode gerar cura e esperança. Sua cura pode não ter a aparência que desejamos ou se concretizar dentro de nossa agenda ou cronograma, mas seu poder de curar é verdadeiro e milagroso, mesmo hoje.

Jesus continua realizando curas
Jesus continua realizando curas nos dias de hoje

Vamos considerar cinco maneiras pelas quais Jesus ainda cura hoje:

1. Jesus cura a solidão

As histórias da cura milagrosa de Jesus são registradas 22 vezes nos Evangelhos Sinópticos . A maioria desses milagres mostra Jesus ministrando aos pobres e rejeitados.

Nesses relatos de cura, onde ele toca o “impuro” ou conversa com o “estranho”, ele está nos mostrando que a rejeição é prejudicial … e seu caminho é restaurador. Sua palavra e toque de cura remove a dor da exclusão e inclui toda a humanidade em seu amor.

Por meio desses relatos, fica evidente que mesmo quando as pessoas são rejeitadas ou ridicularizadas, Jesus está com elas. Amá-los, tocá-los, ser sua luz. E embora não possamos ver Deus em carne como a pessoa de Jesus agora, ele enviou o Espírito Santo para interceder por nós, e sua presença é palpável quando buscamos sua orientação.

Na verdade, uma das mensagens mais duradouras de Deus é que você não está sozinho ( Isaías 41:10 ). Mesmo quando você não pode vê-lo, Emanuel ainda significa “Deus conosco”. E reunindo todos a Ele, incluindo os rejeitados ou solitários, Jesus nos mostra como viver em sua cura hoje.

Ninguém jamais viu a Deus; mas, se nos amamos, Deus vive em nós e o seu amor se completa em nós ”(1 João 4:1).

Quando qualquer um de nós sentir a dor da solidão, podemos ir ao poço e encher-nos de sua força e presença. Então, podemos viver na luz, permitindo que outra pessoa saiba que também não está sozinha.

Quer você se volte para a direita quer para a esquerda, uma voz nas suas costas dirá a você: “Este é o caminho; siga-o”.Isaías 30:21

2. Jesus cura a doença do pecado

A paixão principal de Jesus é nos restaurar em um relacionamento correto com Deus. Quando ele cura o paralítico em Lucas 4:18 , ele completa sua mensagem assegurando-lhe: “… os teus pecados estão perdoados.” Esta cura espiritual de nossos padrões de pecado nos reconcilia com nosso Criador, ainda hoje.

Jesus literalmente tem poder para expulsar demônios, como vemos em Marcos 5 e Marcos 9. Você pode ter visto isso em sua própria vida se já orou para que alguém que estava preso no pecado fosse libertado. Ou talvez esse alguém fosse você.

Na verdade, 1 Pedro 2:24 nos lembra: “Ele mesmo levou os nossos pecados” em seu corpo na cruz, para que morrêssemos para os pecados e vivêssemos para a justiça; “Por suas feridas você foi curado.”

Quando uma mulher, sangrando por 12 longos anos, deseja apenas tocar a borda da vestimenta de Jesus, sabendo que ela será curada , Jesus responde. Em Marcos 5:34 ele diz: “Filha, a tua fé te salvou; vá em paz e seja curado de sua doença. ”

Isso ilustra a cura espiritual disponível hoje por meio da fé. É uma imagem de como você pode recorrer a Ele e acreditar que sua alma enferma de pecado pode ser renovada.

Jesus oferece o perdão dos nossos pecados e nos convida a “não peques mais”. E embora nunca fiquemos sem propensão para o pecado, temos a liberdade, por meio da redenção de Cristo, de abandonar hábitos ou caminhos perigosos e ser curados vivendo na luz.

Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9).

3. Jesus cura doenças físicas

É tentador ler sobre Jesus curando a filha de Jairo, renovando a mão atrofiada de um homem, dando a visão cega ou curando a orelha de Malco depois de cortada, e acreditar que podemos direcionar o poder de Jesus para curar nossas doenças físicas também.

A verdade sobre a capacidade de Jesus de curar doenças físicas hoje é que somos seres complexos e integrados, criados por um Deus que vê infinitamente antes e além de nossas limitações. Tudo o que lutamos, Ele está fazendo o que é certo no tempo e no caminho dele. E embora seja um poderoso sustento orar por cura, somos bem-vindos a confiar em Seu tempo.

Quer os problemas físicos que você está enfrentando hoje “desapareçam” ou não, Jesus nos convida a confiar que Ele os usa para sua glória. Podemos sofrer com a perda de nossa própria capacidade ou sofrer ao caminharmos com nossos entes queridos durante a doença, mas podemos saber que Jesus nos livrará. Dor e morte são partes deste mundo, mas todas foram superadas por Jesus na eternidade.

Uma das melhores maneiras de reconhecer o poder de Jesus para curar nossas doenças físicas é honrá-lo quando o faz. Mesmo nas pequenas coisas. Aquela dor de cabeça que diminuiu quando você se concentrou em sua majestade. O design alucinante de sua criação para curar o que está sob sua bandagem enquanto você dorme. A ajuda que você recebeu de um médico ou terapeuta que curou seu corpo, coração ou mente.

Quando você pede a Jesus para entrar em sua dor física e angústia hoje – e guiá-lo para longe delas, através delas, ou por meio delas em suas mãos amorosas – você permanece aberto para seu belo plano.

4. Jesus cura feridas emocionais

Não é estranho à angústia e às feridas, Jesus pode controlar suas emoções mais baixas e sombrias. Por meio da oração e da fé, temos acesso à liberdade, sabedoria e libertação. A oração posiciona seu coração em direção a Jesus e longe de sua opressão.

Na verdade, Pedro, que conhecia bem Jesus, nos instrui hoje a “lançar sobre ele a sua ansiedade, porque ele se importa com você”. E se você está pensando que isso foi apenas “fácil para Pedro dizer” ou fazer, vamos lembrar que Pedro tinha “pouca fé” (Mateus 14:31), e também negou sua associação com Cristo três vezes (João 18:15-27). Mesmo assim, ele se tornou o principal embaixador do poder de Jesus para curar.

Quando você abre seu coração para Jesus, ele pode entrar e cuidar de sua insônia, raiva, amargura, frustração, medo, depressão e ansiedade. Ele pode limpar as nuvens de confusão e direcionar seus passos. Quanto mais você medita nas promessas e no poder dele, mais pode confessar que precisa dele. Sua força é aperfeiçoada em sua fraqueza.

Mesmo hoje, Jesus pode nos guiar para buscar ajuda, liberar nosso controle sobre os outros ou circunstâncias e ter fé que seus caminhos são os melhores. 

5. Jesus cura o desespero

Jesus demonstra consistentemente que ele é a esperança que transcende todas as lutas de nossas mentes, corpos e almas. E quando ele cura, ele pede que vamos compartilhar as boas novas com outros ( Lucas 7:22 ).

Você está se sentindo isolado, ferido, envergonhado ou fisicamente doente? Traga para Jesus hoje. Não há nada que ele não tenha experimentado, nada que ele já não entenda, nada que ele não possa fazer. Os caminhos dele nunca serão os seus e o poder dele permanece um mistério incomensurável. Mas ele está sempre trabalhando todas as coisas para o bem daqueles cuja esperança está nele.

Quando a vida se torna águas profundas (Isaías 43:2), Ele promete caminhar conosco, tenha esperança de que Ele verá a glória onde até a morte pode parecer finita. Ele torna tudo novo e preenche cada dia com novas misericórdias.

Enquanto Ele nos refina através do fogo, ainda hoje podemos esperar que um novo dia, desenhado por Ele, já esteja brilhando.

Porque tudo o que foi escrito nos dias anteriores, para nossa instrução foi escrito, para que pela perseverança e pelo encorajamento das Escrituras tenhamos esperança” (Romanos 15:4).

por: Lia Martin

traduzido e adaptado por: Pb. Thiago D.F. Lima

Deixe sua opinião


Mais conhecimento da Bíblia em menos tempo?
Não sei se você é uma dessas pessoas que tem dificuldades de entender a Bíblia. Eu já fui e sofri muito! Mas não me dei por vencido, não me deixei ser derrotado pelos inimigos. E você, como anda sua leitura da Bíblia? Seu entendimento? Que tal melhorar nessa área da sua vida espiritual, aprendendo a entender assuntos da Bíblia de forma simples e rápida, ajudado por quem já superou as mesmas dificuldades que você enfrenta? Clique aqui agora e pegue seu Manual de estudos exclusivo