Esposa de Shaolin diz que Gugu ‘inventou notícia’ e garante que humorista se mantém estável

A esposa de Shaolin, Laudicéia Veloso, negou as informações que foram dadas ontem, domingo (30), ao vivo, no programa do Gugu, de que o humorista não esteja mais respondendo aos estímulos, mesmo depois de ter sido diminuída a sedação.
A informação foi dada primeiro ao vivo, no Programa Tudo é Possível de Ana Hickmann, com depoimento de um dos médicos que acompanham o caso, mas foi replicada com um pouco mais de pessimismo no programa de Gugu.
Laudicéia contou ainda que não foi dopada e nem está desesperada. “O quadro clinico de Shaolin é estável. Ele está se recuperando lentamente. O quadro é delicado, mas estável. Não estou dopada e nem desesperada! As informações que ele piorou não procedem. O Gugu não conseguiu falar comigo, por isso está inventando notícia.”, garante.
O ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) também entrou no twitter para desmentir a informação. “Não há desespero, nem a esposa dele esta dopada. Shaolin está se recuperando lentamente. O quadro é delicado, mas estável”, afirmou.
A esposa do paraibano ainda reafirmou: “Minha fá é inabalável e minha certeza na recuperação dele é reafirmada a todo instante que o visito. Continuemos orando e mantenhamos a calma”, diz.

Esposa de Shaolin afirma que estão fazendo sensacionalismo com a imagem do humorista;

Se mostrando indignada com as informações divulgadas nos programas do Gugu e Tudo é possível, da Rede Record, de que o estado de saúde de Shaolin havia piorado, a esposa do humorista, Laudicéia Veloso, concedeu uma entrevista exclusiva ao repórter Fernando Braz, da rádio Arapuan FM (95.3). Durante a entrevista, Laudicélia acusou a Record de estar usando a imagem de Shaolin, negou ter sido sedada e disse que a recuperação do humorista é lenta, mas positiva.

Leia a entrevista:

– A recuperação de Shaolin
Laudicélia: a recuperação dele está evoluindo lentamente, mas de uma forma positiva. Os médicos estão muito otimistas e estamos na expectativa dele [Shaolin] acordar. O acúmulo de sedativo é muito grande, são duas semanas de sedativos, mas isso vai sair do organismo dele aos poucos.

– Suposta piora de Shaolin
Laudicélia: Aquelas informações foram gravadas durante a semana. São informações antigas e da gravação para cá houve uma evolução muito grande. A reportagem é uma mentira e eu lamento que isso tenha saído no programa do Gugu. Que eu estava trancada chorando dentro de um quarto sem falar com ninguém, sedada, também é mentira. Faltou ética profissional e um respeito muito grande conosco.

– Sensacionalismo
Laudicélia: Não havia a necessidade de usar o nome dele. De usar o momento que estamos passando para fazer sensacionalismo. Ele está evoluindo lentamente, mas de uma forma positiva.

 

Paraiba.com.br / www.padom.com.br

Deixe sua opinião