Sei qual é o significado da cruz, e estou seguindo a cruz, e estou pronto para morrer por uma causa
Sei qual é o significado da cruz, e estou seguindo a cruz, e estou pronto para morrer por uma causa

O Ministro das Minorias do Paquistão, Shahbaz Bhatti, que é católico deu uma entrevista em vídeo dizendo que os mulçumanos o intimidavam por ele apoiar campanhas contrárias a lei anti-blasfêmia, defendendo os oprimidos e cristãos perseguidos marginalizados e outras minorias.
Durante a entrevista lhe perguntaram: “Sua vida está sendo ameaçada. Por quem? E que tipo de ameaças você está recebendo?”
A resposta foi: “As forças da violência, organizações militantes, o Talibã e a Al-Qaida. Eles querem impor sua filosofia radical no Paquistão. E quem permanecer contra a filosofia radical deles, eles o ameaçam”, respondeu Bhatti.
O ministro cristão afirmou não ter medo da morte. “Mas quero compartilhar que creio em Jesus Cristo, que deu sua vida por nós. Sei qual é o significado da cruz, e estou seguindo a cruz, e estou pronto para morrer por uma causa”, continuou Bhatti.
O ministro disse também que morreria para defender os direitos do povo que sofre e as ameaças de morte não poderiam mudar a opinião e os princípios dele. “Prefiro morrer por meus princípios e pela justiça de minha comunidade a fazer concessões a essas ameaças”, concluiu ele.
Bhatti foi assassinado no dia 2 de março, quando ele dirigia seu carro para o trabalho, sem guarda-costas, apesar dos riscos que ele havia assumido ao se opor aos extremistas islâmicos no Paquistão. Ele foi morto a tiros por homens que deram uma rajada de balas em seu carro, então deixaram folhetos avisando que outros que se opõem à lei anti-blasfêmia teriam o mesmo fim.
De acordo com as reportagens, ao que tudo indica os atiradores estão ligados ao Talibã e à al-Qaida.

 

Confira o vídeo da entrevista:

Julio Severo / Gospel Prime / Portal Padom

Deixe sua opinião